28 de dezembro de 2011

Adele x The Cure: Uma nova versão de uma canção de amor


E continuamos em clima light nesse período Natal - Ano Novo.
Olha aí a bela versão que a bela inglesa Adele fez da bela "Lovesong".
Esta música consta originalmente do álbum "Desintegration" de 1989 do grupo The Cure (também inglês) e está inserida no recente kit (CD+DVD) "Live At The Royal Albert Hall" da cantora.
Vale a pena ter o original e a cover.
Mais uma canção para embalar esse momento de mudança de calendário que costuma dar uma 'balançada' nas emoções.

Canção de Amor

Sempre que estou sozinho com você
Você me faz sentir como se eu estivesse em casa novamente
Sempre que estou sozinho com você
Você me faz sentir como se eu estivesse inteiro novamente

Sempre que estou sozinho com você
Você me faz sentir como se eu fosse jovem novamente
Sempre que estou sozinho com você
Você me faz sentir como se eu fosse divertido novamente

Independentemente da distância
Eu sempre vou te amar
Independentemente do tempo que eu permanecer
Eu sempre vou te amar
Quaisquer que sejam as palavras que eu disser
Eu sempre vou te amar
Eu sempre vou te amar

Sempre que estou sozinho com você
Você me faz sentir como se eu fosse livre novamente
Sempre que estou sozinho com você
Você me faz sentir como se eu estivesse limpo novamente

Independentemente da distância
Eu sempre vou te amar
Independentemente do tempo que eu permanecer
Eu sempre vou te amar
Quaisquer que sejam as palavras que eu disser
Eu sempre vou te amar
Eu sempre vou te amar

4 comentários:

Ryan disse...

Marcos, gosto do The Cure e muito dessa música. Não conhecia essa cover. Adele é a cantora do momento, vc até mostrou ela aqui umas duas vezes, mas me surpreendi com essa interpretação dela.

Lena disse...

Belíssima canção de amor.

Fernando http://all.at/the13th disse...

The Cure, apesar da fama de "dark", "gótico", "depressivo" e etc, como se pode ver, não é nada disso; eu diria que TAMBÉM é isso. Acho que me tornei fã deles justamente porque têm músicas para todos os momentos (inclusive um álbum chamado "Wild Mood Swings" - "Mudanças de humor radicais"), que reflete bem isso. No caso dessa música, especificamente, imagino como teria ficado na voz da Amy Winehouse...

Marcos Oliveira disse...

Boa 'especulação', Fernando: Amy cantando essa música...

Valeu! Obrigado pela participação com a opinião sobre o ótimo The Cure.